sábado, 26 de dezembro de 2009

Mergulhe no molhado!



Do caminho para ele não vi nada e foi nessa hora que eu tinha achado ele, o horizonte molhado. O meu prazer com o molhado, foi somente visionar as pinceladas, do mar, pinceladas estas bem singelas e direcionadas ao sul, a mim, a todos. Ansioso com o belo mergulhei, senti os fiapos do pincel se desfazendo; rasgando em meu rosto. Vendo aquela tinta derramando ando-ando é sublime, por dentro é forte, é tempestal. Foi bom sentir-se um cobaia do mar, levando você apenas.

Um comentário:

  1. UAU que complexidade barbara.... Adorei By Leticia

    ResponderExcluir